Homem morre atropelado por trem na linha férrea que cruza a cidade de Malhada de Pedras.

Na manhã desta quinta-feira (04), um homem identificado como Eliseu Silva Moreira morreu atropelado por um trem em Malhada de Pedras, a 39 km de Brumado. Segundo informações, o acidente aconteceu na linha férrea da Ferrovia Centro Atlântica (FCA) que cruza o município. A Polícia Militar esteve no local e já encontrou o homem sem vida. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Brumado, onde constatou-se fraturas no braço e na cabeça compatíveis com atropelamento.

Informações:Achei Sudoeste

Jovem sofre tentativa de homicídio no bairro Jardim Valéria.

 Uma guarnição da Polícia Militar se deslocou, até Rua 3 próximo a quadra no bairro Jardim Valéria, onde a denúncia dava conta que um  jovem teria sido baleado em via pública, no local confirmado a veracidade . Neste exato momento a polícia militar Aguarda a chegada do SAMU 192

A qualquer momento mais informações.

77ª CIPM e BCS Nova Cidade recebem certificado pela notoriedade no policiamento comunitário em 201

No primeiro encontro de comandantes promovido pelo Departamento de Polícia Comunitária e Direitos Humanos em 2019, a 77ª Companhia Independente de Polícia Militar e a Base Comunitária de Segurança Nova Cidade receberam um certificado pela notoriedade alcançada no policiamento comunitário em 2018. (mais…)

AGU defende nulidade do acordo bilionário da Lava Jato

Em parecer enviado ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, a Advocacia-Geral da União defendeu a nulidade do acordo bilionário da Lava Jato com a Petrobras. A AGU pede que seja reconhecido que “os valores objeto das sanções impostas pelos Estados Unidos no caso revertam, em sua integralidade, à União”. (mais…)



Mais de 2,6 milhões de pessoas estão em débito com a justiça eleitoral no Brasil

O período de eleições já passou, entretanto muitos eleitores não votaram e nem justificaram a ausência na votação. Para regularizar a situação o eleitor têm até o próximo dia 6 de maio. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em todo o país, mais de 2,6 milhões de pessoas estão em situação irregular. (mais…)