Investimentos na Cidade: HGP e Dudé festejam R$ 2 milhões para obras em Vitória da Conquista.

 


Com o tradicional foguetório, mas sem o Festival de Acarajé, o prefeito Herzem Gusmão Pereira subiu ao palanque para a autorização dos serviços de pavimentação asfáltica, reforma de praças e construção do campo de terra batida, em Vitória da Conquista. (mais…)

Alerta de golpe:Dois indivíduos foram presos em Conquista acusados de darem golpes pela internet.

Polícia Militar conduziu na tarde de hoje(24), dois indivíduos, dando golpes em rede social OLX e Facebook, enviando comprovante bancário falso.
Eles foram capturados em um apartamento no centro de Vitória da Conquista. (mais…)

Descarte impróprio de objetos cortantes têm causado acidentes com trabalhadores da limpeza pública.

Tem sido comum em Vitória da Conquista a ocorrência de acidentes com trabalhadores da coleta de lixo. O motivo é o descarte incorreto de objetos cortantes e pontiagudos que acabam ferindo no ato de recolhimento dos resíduos domésticos. De acordo com a Secretaria Municipal de Serviços Públicos, em 2019, foram 13 ocorrências. Mas, somente em janeiro deste ano, já foram registrados oito acidentes. (mais…)


Japão intensifica medidas para controlar contágio com vírus

O ministro dos Transportes do Japão disse que vai intensificar as medidas contra um possível surto deste mais recente tipo de coronavírus. Kazuyoshi Akaba prometeu que um esforço máximo será feito para lidar com o esperado aumento no número de turistas da China durante os feriados do Ano Novo Chinês. (mais…)



Palácio do Planalto: Governo Federal publica decreto para contratar militares no Serviço Público.

(Brasília – DF, 23/01/2020) Presidente da República, Jair Bolsonaro transmite o cargo da Presidência da República, ao Vice-Presidente, Hamilton Mourão. rFoto: Alan Santos/PR

O decreto que regulamenta a contratação de militares inativos para atividades em órgãos públicos foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União na noite desta quinta-feira (23). De acordo com o Palácio do Planalto, os militares poderão ser contratados, por meio de um edital específico de chamamento público, para trabalhar em órgão ou entidade federal ganhando adicional com valor igual a 30% sobre o salário recebido na inatividade.