Operação Força Total intensifica policiamento na Bahia*


A Polícia Militar da Bahia intensificou o policiamento nos 417 municípios baianos com o início da primeira edição da Operação Força Total.  A cerimônia de lançamento ocorreu nesta quinta-feira (13), no bairro da Boca do Rio, e contou com a presença do comandante geral da PM, coronel Paulo Coutinho, de praças e oficiais da corporação. (mais…)

Homem sofre tentativa de homicídio no Bairro Patagonia

O CICOM deslocou a guarnição para averiguar uma situação de lesão por arma na Av. Londrina;
Ao chegar ao local, foi constatado um homem dentro de sua residência, que pedira ajuda a uma vizinha por ter se envolvido em uma briga e tomado os golpes de facada. A vítima não conseguiu se comunicar com a GU, teve 02 (duas) perfurações na região torácica, 01 perfuração no braço e 01 na perna; foi socorrida pelo SAMU 192 e levada ao hospital de Base em estado grave;

Vítima

Carlitson Vieira da Silva de 33 anos.



Renegociação do Fies pode atender mais de 1 milhão de estudantes

A medida provisória (MP) que estabelece regras para a renegociação de dívidas do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) pode atender pouco mais de 1 milhão de estudantes, que representam contratos no valor de R$ 35 bilhões. Os números são do Ministério da Educação (MEC) e levam em conta o total de 2,6 milhões de contratos ativos do Fies, abertos até 2017, com saldo devedor de R$ 82,6 bilhões. Desse total, 48,8% (1,07 milhão) estão inadimplentes há mais de 360 dias. O texto que facilita o pagamento dos atrasados foi editado no último dia de 2021 e ainda precisa de um decreto regulamentador. As informações são da Agência Brasil.

(mais…)

Lei sancionada na última quinta garante ajuda financeira e seguro para entregadores de aplicativo

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Uma lei sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro e publicada no Diário Oficial da união de quinta-feira (06) garante que entregadores de empresas de aplicativo afastados do trabalho por contaminação pela Covid-19 têm direito a ajuda financeira e seguro para casos de acidentes durante o exercício de suas atividades. A lei obriga ainda que as empresas forneçam aos entregadores itens como água potável, álcool em gel e máscaras, além de acesso aos banheiros das e empresas. Além disso, também deve ser fornecido seguro contra acidentes, sem franquia e em nome do entregador, valendo para casos que ocorrerem durante o período de retirada e entrega de produtos e cobrindo acidentes pessoais, invalidez permanente ou temporária e morte. Para o caso de o trabalhador prestar serviços para mais de uma plataforma, a indenização será feita pelo seguro da empresa para a qual o entregador prestava serviço no momento do acidente. Ainda, está previsto que a empresa preste assistência financeira ao entregador que for diagnosticado com Covid-19 por 15 dias e pode ser prorrogada mais duas vezes pelo mesmo período, caso haja laudo médico