ative motos

“Quem manda não é mais o Estado”: morador revela domínio do tráfico em conjuntos habitacionais de Conquista;

(mais…)


Justiça condena Marcos Valério a 16 anos e 9 meses de prisão no mensalão mineiro.

O ex-empresário Marcos Valério Fernandes de Souza foi condenado a 16 anos e 9 meses de prisão por participação no esquema que ficou conhecido como mensalão mineiro. A sentença é da juíza Lucimeire Rocha, da 9.ª Vara Criminal do Fórum Lafayette, a primeira instância da Justiça de Minas.

(mais…)


Envolvidos na morte da pastora Marcilene e sua sobrinha tem prisão preventiva novamente decretada

Nesta segunda-feira (18), o Juiz de Direito Reno Viana Soares, da Vara do Júri e Execuções Penais de Vitória da Conquista – Bahia, decretou novamente a Prisão Preventiva do pastor Edimar da Silva Brito, Fábio de Jesus Santos e do vigilante Adriano Silva dos Santos, em decisão de pronúncia que determinou que todos eles sejam julgados pelo Tribunal do Júri. (mais…)


Comissão da Mulher Advogada da Subseção de Vitória da Conquista.

A Comissão da Mulher Advogada da OAB Vitória da Conquista protocolou representação junto ao Ministério Público Federal (MPF) requerendo a interdição do bar após uma publicação veiculada em uma rede social do estabelecimento. O post, que foi retirado do ar, trazia a foto de três mulheres penduradas e amordaçadas, e a legenda “estoquem comida” complementava a mensagem. (mais…)


ative motos
ative motos
gideao
sky

Eleições 2018: pré-candidato à Câmara dos Deputados, Coronel Alfredo Castro faz campanha em Vitória da Conquista

O ex-comandante geral da Polícia Militar do Estado da Bahia (PMBA), Coronel Alfredo Braga de Castro, estreia na disputa nas Eleições 2018. No início da tarde deste domingo (17) o BLOG DO ANDERSON reencontrou o pré-candidato no Posto Pantanal, Zona Leste de Vitória da Conquista, em ritmo de campanha. (mais…)


ative motos

POLÍTICA: Polícia apreende barras de chocolate e anotações em cela de Geddel

A Polícia Civil do Distrito Federal apreendeu, ontem (17), na cela que abriga o ex-ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima (MDB), barras de chocolate e anotações. O emedebista baiano está preso no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília.

Geddel divide o alojamento com o ex-senador Luiz Estevão, e policiais aprenderam também cinco pendrives, que supostamente são do ex-parlamentar. A Polícia informou que as buscas ocorreram após denúncia de um detento, de que os políticos estariam receberiam “regalias” na prisão.

À TV Globo, o advogado de Geddel Vieira Lima, Gammil Föppel, disse que “estranha, mais uma vez, a defesa técnica não saber da operação antes da imprensa”. A defesa de Luiz Estevão também disse desconhecer as buscas, e não quis se pronunciar.

 

Fonte: Blog do Redação