Vereador Luciano Gomes faz balanço de ações à frente da Câmara


Sem dúvida, uma das melhores gestões que a Câmara Municipal de Vitória da Conquista já teve. A afirmação vem dos próprios servidores da Casa, principalmente os mais antigos, e também da sociedade que acompanhou, por meio da imprensa, as inúmeras ações realizadas ao longo dos últimos dois anos. Nem mesmo a pandemia da Covid-19 inibiu o trabalho do então presidente, Luciano Gomes (PCdoB), que demonstrou competência, agilidade e transparência em sua gestão (mais…)

Eliomar Santos, este é o nome do jovem que foi assassinado na tarde desta segunda-feira no Ceasa

Foi idenficado como Eliomar Santos, o homem assassinado na Ceasa de Vitória da Conquista no fim da tarde de hoje (segunda-feira).

No local, populares informaram que houve uma discussão entre a vítima e um indivíduo e após isso a vítima foi esfaqueada.

A polícia saiu a procura do suspeito do crime, e o capturou próximo à Biblioteca Municipal.
Ele foi encaminhado ao Disep onde serão tomadas as providências cabíveis.

O corpo de Eliomar foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica


Assassinatos caem em Vitória da Conquista pelo segundo ano consecutivo e chegam ao menor índice desde 2007

 

Ainda é alto o índice de violência em Vitória da Conquista, como de resto nas cidades médias e grandes do Brasil, que teve aumento na quantidade de assassinatos depois de dois anos seguidos de recordes na queda, de acordo com o Monitor da Violência, uma parceria do G1 com o Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (NEV-USP) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Em Vitória da Conquista, no entanto, os números baixaram pelo segundo ano seguido. Longe de serem os índices ideais, mas justamente porque o município vem de registros muito altos, a queda na quantidade de crimes violentos letais intencionais (CVLI) no ano passado ganha destaque.

Segundo dados obtidos pelo BLOG junto ao Comando de Policiamento Regional Sudoeste (CPRSO), foram 121 assassinatos em 2020, ante 129 em 2019, redução de 6,2%. Mas o percentual é muito maior se for comparado com 2018, quando ocorreram 172 CVLI, com essa comparação a queda foi de 29,6%.

A redução também foi registrada no geral da 57ª Área Integrada de Segurança Pública (AISP) sob jurisdição do CPRSO, formada por 18 municípios (Anagé, Barra do Choça, Belo Campo, Boa Nova, Bom Jesus da Serra, Cândido Sales, Caraíbas, Caetanos, Condeúba, Cordeiros, Encruzilhada, Mirante, Mortugaba, Piripá, Planalto, Poções, Tremedal e Vitória da Conquista). O percentual de queda nos crimes violentos letais intencionais na AISP foi ainda maior: 14%, com 178 CVLI no ano passado e 207 em 2019. Foram 237 em 2018, em dois anos a queda foi de 24,89%.


Fonte Blog do Girolando Lima.

 

 

Em uma ação rápida, Polícia captura homem que cometeu assassinato no Ceasa

Uma guarnição policial foi acionada pelo Cicom para se deslocar ao Ceasa no centro, em apoio ao Samu 192, onde informações preliminares davam conta de que uma pessoa teria sido esfaqueada. Ao chegar no local foi constatado a veracidade a veracidade do fato, e a vítima havia vindo a óbito.No local, populares informaram que houve uma discussão entre a vítima e um indivíduo e após isso a vítima foi esfaqueada.

A polícia saiu a procura do suspeito do crime, e o capturou próximo à Biblioteca Municipal.
Ele foi encaminhado ao Disep onde serão tomadas as providências cabíveis.

“Volta Rita que eu perdoo a facada”:Por ciúmes, homem sofre tentativa de homicídio em Conquista

Após denuncia através do  CICOM, uma  guarnição  se deslocou até a praça Barão do Rio Branco onde segundo Informações, uma pessoa  havia sido vítima de agressão com uma arma branca. O motivo da tentativa de homicídio foi uma  discussão onde  o autor enciumou da vítima com uma mulher que era do seu interesse. Com isso juntamente com outros indivíduos o autor cercou a vítima no intuito de agredi-la , a vítima reagiu diante a agressão sofrida, quando um indivíduo não identificado o golpeou com 3 facadas.

A vítima foi encaminhada para o HGVC.

PRF divulga balanço da operação no Ano Novo

Durante a Operação Ano Novo, realizada do dia 30 de dezembro até a noite deste domingo (3), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou aumento de 300% no número de mortes nas rodovias federais da Bahia. As informações foram divulgadas nesta segunda-feira (4).

O aumento foi em comparação com o mesmo período da operação de 2019-2020. Nesta ação (2020-2021), foram registradas seis mortes nas rodovias, enquanto no último ano foram dois. O número de acidentes também aumentou: de 36 (2019-2020) para 55 (2020-2021) – um aumento de 166%.

Durante a operação, a PRF autuou 3.271 motoristas cometendo diversas infrações. Entre as mais notificadas está a ultrapassagem proibida, com 1.184 registros. Além disso, 30 motoristas foram flagrados dirigindo sob efeito de álcool, uma infração gravíssima que tem multa de R$ 2.934,70. Durante a operação, foram feitos 212 testes com etilômetro (bafômetro).

Ainda nas fiscalizações, a PRF também registrou 75 autos de infração para motociclistas e/ou passageiro sem capacete, e outros sete motoristas flagrados manuseando o aparelho celular. Os registros de falta do cinto de segurança foram 219.

 

Política conquistense: Vereador Alexandre Xandó protocola pedido para que as atividades da Câmara tenham intérpretes de LIBRAS

 

Na segunda-feira, 04/01/2021, em seu primeiro dia de trabalho interno após a posse, o vereador Alexandre Xandó (Partido dos Trabalhadores) protocolou junto à Presidência da Câmara um ofício solicitando que todas as sessões e atividades da Casa tenham a interpretação simultânea em LIBRAS, visando garantir o acesso das pessoas surdas e com deficiência auditiva às discussões, votações e demais sessões da Câmara de Vereadores.

LIBRAS, a Linguagem Brasileira de Sinais é reconhecida como meio de comunicação legal desde 2002, com a Lei 10.436, e é a principal forma que as pessoas surdas ou com deficiência auditiva utilizam para se comunicar. Para o parlamentar, como as sessões (e suas transmissões por redes sociais) não contam com a interpretação simultânea, a comunidade surda e deficiente auditiva conquistense não tem acesso àquilo que está sendo discutido e votado, tendo o exercício de sua cidadania limitado devido à ausência de um intérprete.

Com este requerimento, o Vereador, que está em seu primeiro mandato, espera fortalecer a democracia no município, incluindo esta parcela da população nas discussões e atividades da Câmara Municipal e estimulando a participação cada vez maior das pessoas surdas e com deficiência auditiva. Em Vitória da Conquista, são cerca de 500 pessoas surdas cadastradas pela Prefeitura, além daquelas que não perderam totalmente a audição, mas se valem da LIBRAS para se comunicar.

“Nos últimos anos a Câmara chegou a realizar audiências públicas voltadas para esta parcela da sociedade, sobretudo no Dia Nacional do Surdo, 26 de Setembro. Essas atividades pontuais tem sua importância, mas precisamos de medidas efetivas, que criem condições para que a comunidade surda e com deficiência auditiva tenha acesso e também discuta os rumos da política conquistense que são tomados na Câmara. Esta medida é necessária para que ela seja, cada vez mais, a verdadeira Casa do Povo”, disse o jovem Vereador Alexandre Xandó.

 

PRF realizará mais um leilão ‘on-line’ com mais de 150 veículos recolhidos na Bahia

A Polícia Rodoviária Federal (SPRF/BA), realizará um leilão de veículos, classificados como sucatas, que foram retidos na unidade policial da PRF sob circunscrição da Delegacia de Senhor do Bonfim, na região Norte da Bahia.

As ofertas ocorrerão, somente, na modalidade on-line (internet) a partir das 09h do dia 13 de janeiro e se encerrará às 14h do dia 16/01/2021, através do site (https://www.batistaregisleiloes.com.br), com lances mínimos entre 50 e 500 reais.

O edital 4/2020 do tipo maior lance ofertado, visa arrematação de veículos retidos, abandonados, removidos ou recolhidos a qualquer título, que se encontram há mais de 60 (sessenta) dias nos pátios administrados pela Regional do estado da Bahia.

 


Salário de defensores públicos deve ser pago nesta segunda, diz chefe da DP-BA

O defensor público geral em exercício, Pedro Casali Bahia, afirma ter estranhado a decisão do governo da Bahia de não conceder suplementação de R$ 13,7 milhões no orçamento da Defensoria Pública da Bahia (DP-BA) no fim do ano passado. Devido a isso, a instituição não pagou o salário de dezembro dos 376 defensores públicos que atuam no estado. Casali vê tratamento diferenciado do Executivo baiano em relação ao órgão e ao Ministério Público da Bahia (MP-BA), que recebeu R$ 35,7 milhões a mais do governador Rui Costa para fechar as contas de 2020.

(mais…)